Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/03/15 às 17h15 - Atualizado em 7/11/18 às 16h04

Recursos do PL 242/2015 subsidiam sistema de transporte coletivo por três meses

COMPARTILHAR

Secretaria de Mobilidade recebe suplementação de recursos para pagar às empresas de ônibus que operam no DF pelos próximos três meses. Aprovado pela Câmara Legislativa, o projeto de lei do Executivo autoriza crédito suplementar de R$ 120 milhões. Hoje, o governo subsidia 45% do sistema de transporte público do DF, o que equivale a R$ 40 milhões por mês.

No governo passado foi feito uma previsão de que o sistema custaria aos cofres públicos R$ 60 milhões de reais ao ano. ” O orçamento para o sistema de ônibus aprovado na gestão passada foi subestimado. O valor que deveria subsidiar o sistema ao longo de 12 meses, foi suficiente por apenas dois.” disse o Secretário de Mobilidade, Carlos Tomé, enfatizando que ao longo do ano serão implementadas medidas operacionais que vão reduzir os custos e a necessidade de subsídios.

Parte dos recursos aprovados vão servir para pagar gratuidades (para pessoas com deficiência e estudantes) e o subsídio do governo a empresas e cooperativas de transporte.

Emendas
O PL 242/2015 foi aprovado com duas emendas pelos 17 distritais presentes à sessão e segue para sanção do governador.
Uma das emendas aprovadas destaca R$ 6 milhões do valor total para quitar uma dívida de 2014 com os micro-ônibus que fazem a integração do sistema.

A outra emenda abre crédito adicional de R$ 96 milhões a serem divididos pelos 12 novos deputados dessa legislatura, para a apresentação de emendas parlamentares ao orçamento deste ano.