Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/02/13 às 12h00 - Atualizado em 4/02/13 às 12h00

Secretário de Transportes tranquiliza trabalhadores da Viplan

COMPARTILHAR

José Walter Vazquez firmou compromisso de criar comitê fiscalizador para acompanhar situação dos funcionários da empresa

Um grupo de rodoviários apresentou abaixo-assinado com cerca de 1, 7 mil assinaturas ao secretário de Transportes, José Walter Vazquez, na tarde desta sexta-feira (1º). Aberto ao diálogo, o gestor da pasta recebeu as queixas e se comprometeu a instalar comitê fiscalizador junto ao Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans) para acompanhar a situação dos 4 mil funcionários da Viação Planalto (Viplan).

Os trabalhadores temem ficar desempregados com a transição de concessionárias após a reforma em andamento no transporte público urbano. “Nós ainda não sabemos quem vai assumir as bacias 1, 3 e 4. O que podemos fazer é negociar, com essas novas concessionárias, condições de trabalho para esses funcionários”, tranquilizou o secretário.

O representante do grupo de funcionários da Viplan, Edson Novais, enumerou as demandas que pretende ver resolvidas pela Secretaria de Transportes. “Nossa preocupação é com as pessoas que estão de licença médica, quem está perto de aposentar, as gratificações e condições de trabalho”, argumenta.

O diretor técnico do DFTrans, Lúcio Lima, afirmou que o comitê a ser criado ajudará a estabelecer diálogo entre a Secretaria de Transportes, a empresa e os funcionários. “Acompanharemos a situação de todos os trabalhadores”, ressaltou.

Bacias contratadas – As empresas interessadas em participar da concorrência pública para operar as bacias 1, 3 e 4 apresentarão suas propostas nesta segunda-feira (4), às 10h, no auditório do Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

Já os contratos das bacias 2 e 5 foram firmados com a Viação Pioneira e a Expresso São José, respectivamente, em dezembro. As duas empresas foram as únicas habilitadas na fase de apresentação de documentos e propostas financeiras.

A Viação Pioneira foi a selecionada para operar a Bacia 2, que atenderá, com 640 ônibus, as regiões do Gama, Paranoá, Santa Maria, São Sebastião, Candangolândia, Lago Sul, Jardim Botânico, Itapoã e parte do Park Way. A Expresso São José também já foi habilitada pela licitação. Ela venceu a concorrência pela Bacia 5 e terá que colocar em circulação, nas regiões de Brazlândia, Ceilândia, SIA, SCIA, Vicente Pires e parte de Taguatinga, uma frota de 576 veículos.

A abertura dos próximos envelopes seguirá a seguinte ordem:

Bacia 3: Núcleo Bandeirante, Samambaia, Recanto das Emas, Riacho Fundo I e II – Frota: 483
Bacia 4: Taguatinga (parte), Ceilândia, Guará, Águas Claras e Park Way (parte) – Frota: 464
Bacia 1: Brasília, Sobradinho, Planaltina, Cruzeiro, Sobradinho II, Lago Norte, Sudoeste/Octogonal, Varjão e Fercal – Frota: 417


Fonte: Agência Brasília