Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/03/13 às 20h48 - Atualizado em 8/03/13 às 20h48

Região norte do DF ganha reforço de veículos

COMPARTILHAR

A partir deste sábado (9), os moradores da região norte do Distrito Federal vão contar com reforço de mais de 40 veículos. Haverá o remanejamento de carros do Grupo Amaral, cuja gestão o GDF assumiu recentemente, que circulam em Sobradinho II para operarem em Sobradinho I e Planaltina. Além disso, haverá acréscimo de frota na região da Fercal.

Os 22 veículos do Grupo Amaral que operam em Sobradinho II vão deixar de circular. Em contrapartida, a Viação Planalto (Viplan) passará a atuar com 40 ônibus na cidade – o que representa acréscimo de 18 carros. Já para os moradores de Sobradinho I, onde o Grupo Amaral também atua, haverá aumento de oito veículos, que vão se somar aos 12 que já operam na cidade.

Em Planaltina haverá acréscimo de 14 veículos – sendo 11 para atender exclusivamente o Vale do Amanhecer. Na Região Administrativa da Fercal, haverá reforço de cinco ônibus da Viplan, que já atua no local, porém de forma precária.

“Nosso objetivo é prestar serviço de qualidade à população, com agilidade nas viagens e menos tempo de espera nas paradas”, enfatiza o diretor-geral do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), Marco Antonio Campanella.

“Estamos trabalhando para recuperar a frota. Não basta aumentar o número de ônibus. À medida que sentirmos melhoria no conforto da população, vamos reposicionando a frota dentro das regiões”, analisa o presidente da Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB), Carlos Koch.

Assunção – Recentemente, o GDF assumiu a gestão das empresas Rápido Veneza, Viva Brasília e Rápido Brasília, pertencentes ao Grupo Amaral. O objetivo é garantir transporte público seguro e de qualidade, neste período de transição até a implantação do novo modelo do Sistema de Transporte Público Coletivo, cuja licitação está em andamento.

Uma semana após assumir o controle administrativo, operacional e financeiro das empresas já houve melhorias nas regiões de São Sebastião e Paranoá.

Em São Sebastião, a oferta de ônibus passou de 45 para 80 veículos em operação – 35 a mais. Já no Paranoá, o acréscimo foi de 15 ônibus, passando de 35 para 50 o número de carros em operação.