Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/03/13 às 18h55 - Atualizado em 11/03/13 às 18h55

Comitê de Transporte de Taguatinga realiza primeira reunião em 2013

COMPARTILHAR

O Comitê de Transporte da Região Administrativa de Taguatinga vem se destacando como um dos mais atuantes e participativos entre os 22 já instalados por todo o Distrito Federal. E nesta última quinta-feira (9), o grupo realizou a sua primeira reunião deste ano, em que, além do balanço das atividades realizadas no ano passado, foram pautados temas como a criação de novas linhas, instalação de paradas, asfaltamento e inclusão de portadores de necessidades especiais.

A representante do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), Solisângela Montes, iniciou os trabalhos elencando algumas das providências tomadas pela autarquia – e em andamento – relativas a demandas já levantadas. Entre essas, a criação de linhas para servir à colônia agrícola Cana do Reino. “É preciso, antes, melhorar as estradas, tanto para escoar a produção local, como para permitir o tráfego dos ônibus coletivos na área, aumentando, inclusive, a nossa segurança”, ponderou a líder comunitária Nilza da Silva.

Representando a Associação dos Moradores da QNF, Ronildo Ribeiro falou sobre a conveniência de se aumentar o espaço reservado aos idosos e portadores de necessidades especiais dentro dos veículos. “É comum muitos ficarem sem a devida acomodação”, salientou.

Já o presidente da Associação dos Usuários do Transporte Público Coletivo do DF (Autrac) – entidade criada em 1999 -, Vidal Guerra, manifestou sua satisfação com a criação dos comitês de transporte pelas cidades do DF. “Antes, a Autrac estava sozinha nesta luta mas, agora, temos novos aliados”.

O diretor-técnico do DFTrans, Lúcio Lima, reiterou a determinação do GDF em implantar a integração em todo o Sistema de Transporte Público Coletivo do DF. “Ainda que muitos não compreendam, neste momento, os benefícios daí advindos, o novo modelo é positivo e foi uma promessa de campanha do governador”.

Destacando também outras ações governamentais – como a licitação para renovação quase total da frota, a implantação dos corredores exclusivos e a construção de novos abrigos de passageiros -, Lima alertou que o GDF segue firme em sua determinação de mudar a realidade do transporte público local. “Já enfrentamos nessas batalhas mais de 130 ações de embargo, mas derrubamos todas elas”, lembrou.

Comitês de transporte

Estabelecidos em parceria com as administrações regionais, os comitês de transporte foram instituídos pela Lei Distrital nº 239/1992 e são formados por representantes da comunidade – como estudantes, lideranças comunitárias, de comerciantes, da terceira idade, portadores de necessidades especiais e outros –, sendo presidido pelo administrador local.